Novembro Azul: um mês inteiro de campanha contra o câncer de próstata # Hoje é terça-feira, 21 de novembro, dia da Homeopatia e das Saudações # O Atlético de Goiás é o primeiro time a ser rebaixado da Série A para a Série B # Completando a rodada Avai 2x1 Palmeiras e Fluminense 2x0 Ponte Preta.
granel quimica propaganda1 propaganda2 osvaldo rocha
HOME
Entrevista
 Ogmo/itaqui
Syngamar
 Agencias Marítimas
Soamar MA
Fotos & Imagens
Empresas
Dicas/Serviços
Capitania dos Portos do Maranhão
The best of web
Fale conosco


Vale
 Alumar
Itaqui
 Cargas
 Todos os portos
 Cartas Náuticas

Osvaldo Rocha
José Oliveira
 Herbert Santos
Telex/Aniversários
 Humor
Ponto de Vista

Noticias
 Legislação

Aniversário Alumar
 Carta Pero Vaz
 São Luis 405 anos
 Copa 2014
 Copa Confederações
 O Trem da Vale
Museu da Soamar

Pratimar
Petrobras
Portal Exportador
Banco Central
Receita Federal
Marinha do Brasil
Capitania Maranhão
Conapra
Policia Federal
Obra Prima CE











Vale constrói viadutos para aumentar segurança na Estrada de Ferro Carajas
Ja foram contemplados municípios com Igarapé do Meio, Pindaré Mirim, Açailância, Santa Inês e Tufilândia


Viaduto para evitar acidentes em toda extensão da EFC
Desde 2013 até este ano foram construídos 23 viadutos em 10 municípios maranhenses que estão na área de influência da Estrada de Ferro Carajás

Para aumentar a segurança de pedestres e motoristas que necessitam transpor a Estrada de Ferro Carajás (EFC), a Vale está construindo viadutos ao longo dos seus 973 Km de extensão. Desde 2013 até este ano foram construídos 23 viadutos em 10 municípios maranhenses que estão na área de influência da EFC, entre os quais Igarapé do Meio, Pindaré Mirim, Tufilândia, Miranda do Norte, Alto Alegre do Pindaré, Santa Inês, Santa Rita, Açailândia, Vila Nova dos Martírios e São Pedro da Água Branca. No sudeste do Pará foram construídos três viadutos na região de Marabá.

Para definir o local dos novos viadutos, a Vale leva em consideração a criticidade dos locais considerando alguns parâmetros, entre os quais o fluxo de veículos e pedestres nas passagens de nível oficiais, que são o local de cruzamento entre ferrovia e rodovia ou estrada. As passagens de nível com maior fluxo foram indicadas como locais prioritários para a instalação destas estruturas. Os viadutos rodoviários, comuns em locais com grande fluxo de veículos, permitem que carros e pedestres façam a travessia da linha férrea com segurança e comodidade. Além desse levantamento, todo alinhamento sobre o melhor local é validado junto às comunidades e órgãos competentes, como Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

"O desafio de uma construção de viaduto sobre uma linha férrea como a EFC, considerada uma das mais eficientes e produtivas do país, é não interferir na operação. Por isso, todas as etapas se adaptam ao fluxo de trens e a própria manutenção da ferrovia", diz o diretor de Implantação de Projetos logística, Adriano Mansk.

A construção de viadutos integra um conjunto de ações do projeto de expansão logística da Vale no Maranhão e contempla, entre outras ações, a duplicação de 570 km da estrada de ferro.

Lugar: PORTOSMA
Fonte: Assessoria Vale
Data da Notí£©a: 09/11/2017

Untitled