Hoje é quinta-feira, 14 de dezembro, Dia Nacional do Ministério Público # Faltam 17 dias para a chegada do ano de 2018 # O Flamengo empatou em casa de 1x1 com o Independent e ficou apenas como vice-campeão da Taça Sulamaricana. O título ficou com os argentinos que venceram a primeira partida de 2x1.
humberto gomes internacional maritima granel quimica propaganda1
HOME
Entrevista
 Ogmo/itaqui
Syngamar
 Agencias Marítimas
Soamar MA
Fotos & Imagens
Empresas
Dicas/Serviços
Capitania dos Portos do Maranhão
The best of web
Fale conosco


Vale
 Alumar
Itaqui
 Cargas
 Todos os portos
 Cartas Náuticas

Osvaldo Rocha
José Oliveira
 Herbert Santos
Telex/Aniversários
 Humor
Ponto de Vista

Noticias
 Legislação

Aniversário Alumar
 Carta Pero Vaz
 São Luis 405 anos
 Copa 2014
 Copa Confederações
 O Trem da Vale
Museu da Soamar

Pratimar
Petrobras
Portal Exportador
Banco Central
Receita Federal
Marinha do Brasil
Capitania Maranhão
Conapra
Policia Federal
Obra Prima CE











Governo aumenta impostos cobrados sobre os preços dos combustíveis em todo país
A decisão da equipe econômica dobrou as alíquotas de PIS e Cofins da gasolina e elevou em 86% a do diesel.


Gasoina, álcool e dieses sofrem reajustes na bomba de combustível.
Sem saída para gerar novas receitas, o governo aumentou os impostos cobrados sobre combustíveis e congelou mais R$ 5,9 bilhões em despesas, aprofundando o arrocho na máquina pública e pondo em risco a continuidade de serviços no próximo mês.

Em março, a equipe econômica já tinha bloqueado R$ 42 bilhões do Orçamento, mas pouco depois foi preciso liberar R$ 3 bilhões para gastos obrigatórios com saúde. Em busca de apoio no Congresso para barrar a denúncia criminal apresentada pelo Ministério Público contra ele, o presidente Michel Temer também liberou R$ 1 bilhão para projetos patrocinados por parlamentares em suas bases eleitorais. Assessores do presidente dizem que o novo bloqueio de gastos será revisto assim que algumas medidas "de curto prazo" forem tomadas.

O governo espera receber pagamentos em atraso da concessionária que administra o aeroporto do Galeão (RJ), que deve render R$ 3,5 bilhões, e arrecadar mais com a venda da Lotex (loteria conhecida como raspadinha), entre outras providências. A decisão do governo de aumentar impostos foi anunciada nesta quinta (20) em nota conjunta do Ministério da Fazenda e do Planejamento, às vésperas do vencimento do prazo para a revisão bimestral do Orçamento da União. Em solenidade no Palácio do Planalto, Temer disse que seu governo não será "arauto do catastrofismo", que é necessário demonstrar otimismo e que sua gestão trata "com seriedade o dinheiro do pagador de impostos". O presidente resistia ao aumento de tributos, mas acabou cedendo porque, com a crise política, não foi possível aprovar a reforma da Previdência ou medidas que trariam mais receitas extraordinárias, como o programa de refinanciamento de dívidas de empresas com a Receita. "A política atrapalhou, infelizmente", disse ao jornal A Folha de São Paulo, o ministro Moreira Franco (Secretária-Geral da Presidência). "Ninguém gosta de aumentar impostos. Nosso objetivo é diminuir a carga fiscal, mas não podíamos comprometer o avanço que já tivemos."

O IMPACTO NAS BOMBAS - O governo dobrou as alíquotas de PIS e Cofins da gasolina e elevou em 86% a do diesel. O resultado é que, a partir desta sexta (21), o litro da gasolina poderá sofrer reajuste de até R$ 0,41, e o do diesel, de R$ 0,21. No etanol, a alta poderá chegar a R$ 0,20. O governo espera arrecadar R$ 10,4 bilhões até o final deste ano com a medida. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que o aumento de tributos era a única saída neste momento para elevar as receitas do governo, que vêm diminuindo com a recessão. "Houve queda da arrecadação, pelo resultado das empresas e do setor financeiro, que refletiram prejuízos acumulados nos últimos dois anos que estão sendo amortizados agora", disse Meirelles. Se liberasse recursos, o governo teria de rever a meta deste ano, que prevê deficit de R$ 139 bilhões. Meirelles disse que o país voltará a crescer no segundo semestre e a arrecadação também. Considerando o preço medido por uma pesquisa da Associação Nacional de Petróleo – ANP,  o preço, em litro, da gasolina deve pular de R$ 3,48 para 3,89. O do álcool etanol de R$ 2,42 para R$ 2,62, enquanto o diesel S-10 que custa hoje R$ 3,07, pode chegar a R$ 3,28.

Lugar: PORTOSMA
Fonte: Folha, Uol, Redaçao
Data da Notí£©a: 21/07/2017

Untitled