Hoje é quarta-feira, 11 de dezembro de 2019, dia do Engenheiro # Termina o Brasileirão e a novidade é o Cruzeiro rebaixado e vai disputar pela primeira vez a Série B
orizon supplier cargas e cais humberto gomes osvaldo rocha
HOME
Entrevista
 Ogmo/itaqui
Syngamar
Telex/Aniversários
 Agencias Marítimas
Soamar MA
Fotos & Imagens
Dicas/Serviços
Capitania dos Portos do Maranhão
The best of web
Fale conosco


Vale
 Alumar
Itaqui
 Cargas
 Todos os portos
 Cartas Náuticas

Concursos
Prêmio Smart
Escoteiros em Foco
Cais do Jeep
Seminário Landlord

Osvaldo Rocha
José Oliveira
 Herbert Santos
Telex/Aniversários
 Humor
Ponto de Vista

José Clementino
Elson Burity
 Bento Moreira Lima

Aniversário Alumar
 Carta Pero Vaz
 Dia do Portuário
 Escoteiros em foco
 Nosso Papai Noel
 São Luis 406 anos
 Copa América 2019
 Cais do JEEP
 O Trem da Vale
Museu da Soamar

Pratimar
Petrobras
Portal Exportador
Banco Central
Receita Federal
Marinha do Brasil
Capitania Maranhão
Conapra
Policia Federal
Obra Prima CE











SINDMAR firma ACT com ABEAM
O Acordo firmado prevê que o trabalhador terá direito a receber suas dobras imediatamente após efetuá-las.

O Acordo Coletivo de Trabalho 2008/2010 assinado entre o SINDMAR e as empresas filiadas à ABEAM definiu uma reposição salarial acima da inflação acumulada no período para os representados do Sindicato. Além disso, o ACT traz o percentual de reajuste remuneratório que será adotado após a primeira metade da vigência deste Acordo, que é de dois anos, garantindo uma alteração superior à inflação. A reunião em que o Sindicato e a Associação assinaram o ACT aconteceu no dia 18 de junho na Sede do Syndarma, no Rio de Janeiro.
No Acordo firmado, que é retroativo a 1º de fevereiro deste ano e estará em vigor até 31 de janeiro de 2010, o SINDMAR lutou e conquistou itens que dão melhores condições laborais e sociais aos representados.

O Sindicato conseguiu, também, um aumento no vale alimentação para os oficiais e eletricistas mercantes. Outra conquista é a alteração no cálculo do abono pecuniário. A mudança foi feita para corrigir uma defasagem que ocorria com os representados da seção de máquinas. Apesar deste foco, é importante destacar que os demais representados também obtiveram ganhos nesta questão.

Os oficiais e eletricistas mercantes, através do Sindicato, conquistaram, também, a definição sobre o pagamento das dobras. O Acordo firmado prevê que o trabalhador terá direito a receber suas dobras imediatamente após efetuá-las. “Acertamos que a dobra deverá ser paga na primeira folha de pagamento após o ocorrido. Assim, acaba o chamado banco de dobras”, explica o Diretor Financeiro do SINDMAR, Jailson Bispo.

O ACT traz, ainda, o compromisso da ABEAM em debater com o SINDMAR a situação da aquaviária gestante. A questão precisa ser analisada, já que é grande o número de companheiras que trabalham em embarcações em águas brasileiras.

Assim, dentro da vigência deste Acordo, o Sindicato e a Associação voltarão a se encontrar para debater este assunto. As representadas do SINDMAR precisam ter proteção laboral no período de gestação. Há anos a mulher é uma realidade na Marinha Mercante; sem dúvida, as companheiras dão enorme contribuição para o desenvolvimento do setor marítimo brasileiro.

Fonte: Sindmar

Data: 19/06/2008

Untitled